Capa_CAmoes_dia_portugal

Camões, Liberdade e Inquietação – Vergílio Ferreira e o 10 de junho de 1977, na Guarda

Realizaram-se, pela primeira vez após a Revolução de Abril, as comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, no dia 10 de junho de 1977, na cidade da Guarda, como nos lembra Alípio de Melo[1] que integrou a “Comissão local organizadora do evento”. Para a Sessão Solene foram convidados Vergílio Ferreira, por proposta do mesmo Alípio de Melo, e Jorge de Sena. No texto introdutório a Jorge de Sena – Vergílio Ferreira: Correspondência, Mécia de Sena assinala que foi nesta ocasião que conheceu pessoalmente o autor de Aparição e a última em que se encontraram os dois escritores.